Receita: crepe francês

Receita: crepe francês

Oi, gente!

Adoro nossos posts com receitas! É que eu adoro cozinhar coisas diferentes (qualquer coisa que não seja arroz, feijão e carne). Mas pra mim receita tem que ser prática, se não desanimo. Você também é assim?

A receita de hoje é um crepe francês que encontrei no livro “Como ser uma parisiense – em qualquer lugar do mundo” (Sophie Mas, Audrey Diwan, Caroline de Maigret e Anne Berest). Tem mais receitas bacanas nele, da maionese à sobremesa, tudo típico da França, especialmente de Paris. Vou contar um segredo pra você: meu sonho é morar em Paris. <3 Mudar de mala e cuia e passar a vida tomando café nos bistrozinhos pelo caminho (porque sonhar faz bem!). Enquanto isso não acontece, vou comprando todos os livros e filmes que encontro pela frente sobre o assunto. haha

como ser uma parisiense

O crepe francês é aquele fininho tipo panqueca (eu ainda não fiz panqueca, mas minha mãe disse que os ingredientes também são parecidos com os da panqueca, com a diferença de que esse crepe não vai pro liquidificador e ele tem que ser beeem fininho, mesmo, se não fica borrachudo).
Fiz a massa ontem (sábado) e usei só um pouco; deixei o restante na geladeira pra ver como ela estaria no dia seguinte (no caso, hoje). E estava ótima! A família toda comeu e adorou! (responsa cozinhar pra vó, né? Sacanagem! Sorte minha que ela aprovou).

Ingredientes

  • 250 g de farinha de trigo peneirada
  • 3 ovos
  • 1 col. (sopa) de óleo (não pode ser azeite)
  • 3 col. (sopa) de açúcar
  • 1 pitada de sal
  • 2 col. (sopa) de água
  • 1/2 litro de leite
  • 1/2 copo de cerveja

O preparo é bem simples: é só misturar todos os ingredientes MENOS o leite e a cerveja, que vão por último. O leite deve ser acrescentado aos poucos, até a massa ficar homogênea. Não sei se eu fiz alguma coisa errada, mas tive a impressão de que foi difícil de dissolver a massa no leite… Precisei mexer bastante até que deu certo (e usei só 400 ml do leite). Só então acrescentei a cerveja e mexi mais um pouco.

A massa fica bem líquida e precisa descansar por pelo menos 1 hora antes de fazer os crepes (eu deixei fora da geladeira e deu tudo certo).

crepe frances (2)

Pra fritar: unte uma frigideira com um fio de óleo, deixe o fundo ficar bem quente e coloque uma concha rasa da massa na frigideira. Não adianta lotar a concha, porque o crepe é gostoso fininho. Deixe durante um minuto de um lado, então vire o crepe pra ficar mais um minuto do outro lado. Ele tem que ficar moreninho.

DESAFIO: não vire o crepe com a espátula. Jogue-o pra cima. Eu fiz, gente. Se eu consegui, você também consegue. Truque: com a espátula, solte as laterais do crepe e deixe-o na pontinha da frigideira. Vai ficar mais fácil de acertar.

A massa fica bem leve e você pode servir com vários recheios diferentes (eu comi de 4 sabores diferentes… só no primeiro dia. Hoje comi de outro sabor. #gordinhafeelings – pensando em uma desculpa pra nutricionista em 3, 2, 1… ).
Recheios usados por mim: mussarela, mussarela + salada de tomate com pepino, Nutella, sorvete de creme + geleia de framboesa, mussarela + chocolate. Todos ficaram muuuito gostosos, mas eu achei que no de Nutella faltou alguma coisa crocante pra dar volume na mordida, tipo nozes ou alguma fruta.

crepe frances (1)

A montagem também fiz de 3 jeitos diferentes: na foto de cima, coloquei a bola de sorvete sobre o crepe aberto; na com o recheio de mussarela, só dobrei o crepe ao meio; hoje, com a de chocolate, enrolei tipo panqueca. Dá pra soltar a criatividade!

Ah, e você não esqueça de me mandar a foto do seu crepe, tá? Pode ser pela fan page, por email (minhacasaminhalida@gmail.com), pelo Facebook, me marcar no Instagram (@marianagatzk)… Quero saber como ficou! E também quero receber suas dicas. Se você já testou essa receita, se conhece outra melhor, se tem algum ingrediente secreto cuja hora da revelação chegou… Me conta tudo!

Até a próxima,
Mariana.

Acompanhe: Facebook | Pinterest | Instagram

Como reaproveitar TVs antigas na decoração

Como reaproveitar TVs antigas na decoração

Sabia que ontem, 11 de agosto, foi o Dia da Televisão? A data não está ligada ao dia da invenção da TV, que é 26 de fevereiro de 1926; na verdade, dia 11/08 é o aniversário de nascimento de Santa Clara, padroeira da TV. Interessante, né? E é em homenagem ao Dia da Televisão que temos o post de hoje: ideias legais e criativas pra reaproveitar o antigo aparelho televisivo na decoração da casa.
Vamos ver?

tv
(imagem)

Bar: onde antes estava o tubo da TV, agora ficam as bebidas. Repare que tem uma escada no interior que organiza melhor a disposição das garrafas. Sobre o aparelho, copos e algumas licoreiras. Achei lindo! E que linda essa TV, né? A estrutura toda em madeira… os pés… gostei muito do modelo!

(imagem)
(imagem)

Casinha pra pet: até eles entraram na distribuição do antigo aparelho televisivo. Se deram bem! E os donos da casa também se deram bem, porque a peça é linda! Uma ótima decoração pra sala (mais bonita do que muita caminha…).

(imagem)
(imagem)

Aquário: melhor do que muitos programas que encontramos por aí nos canais abertos, né? Além disso, me faz lembrar do Glub Glub. Eu amava! No fundo da TV, repare que tem uma imagem de pedras. Parece o fundo de um rio.

(imagem)
(imagem)

Luminária: pra quem tem estilo, hein! Ficou bem legal! E, talvez seja um problema de referências da minha parte, mas o aparelho me lembrou do Charlie Brown, do Snoopy. O chevron da “tela” e as cores amarela e preta são a identidade dele. Enfim, uma peça descolada pra chamar a atenção em qualquer ambiente.

(imagem)
(imagem)

Biblioteca: um jeitinho meio irônico de guardar os livros, né? É uma das ideias que mais gosto! Ficaria legal ter os dois aparelhos juntos: este com a função de biblioteca e o que funciona como luminária.

Essas ideias não são pra te incentivar a quebrar uma TV antiga, claro! Mas é que com o tempo muitos desses aparelhos estragam… Aí tem quem goste de preservá-los exatamente como são, sem interferir em nada, e quem prefira aproveitá-los de um outro jeito, dar a eles uma nova cara, uma nova utilidade. Se você pertence ao segundo grupo, ficam as dicas aqui.

Até a próxima,
Mariana

Acompanhe: Facebook | Pinterest | Instagram