7 inspirações {2}: cozinhas

7 inspirações {2}: cozinhas

Oi, gente!

O post de hoje tem participação especial, viu? Quem fez a seleção final das 7 cozinhas que vamos ver abaixo foi minha prima de 8 anos Ana Beatriz, a , (e futura chef de cozinha. Viva Ratatouille!). Ela também comentou as imagens, dando a opinião dela e algumas dicas. Ficou engraçadinho! rs

“Vai que você tá reformando ou tá pensando em mudar a sua cozinha, as nossas dicas podem te ajudar” {Bê}.

Pra ver mais referências, me acompanhe no Pinterest. Sempre tem novidades lindas por lá. É só clicar aqui.

cozinha 1
“O mais legal dessa cozinha é que dá pra ter uma horta na sacada” {Bê}. E tem mais coisa legal: imagina se o piso fosse clarinho. Não seria tão charmoso, né? | O tapete branco delimitou a área da cozinha. Por mais próxima que a mesa esteja da bancada, dá a impressão de que são ambientes diferentes. | Pode parecer que tem pouco armário nessa cozinha, mas será? Com organização dá pra guardar bastante coisa ali. E eu acho que valeu a pena abrir mão de armários superiores pra dar espaço a esses dois pendentes sobre a pia. Muito charmosos!
cozinha 2
“Quem tem cozinha menor pode se inspirar nessa, que é pequena mas é bem bonita” {Bê}. Pra mim, dava pra eliminar alguns armários ou colocar uma bancada também na parede do fundo, formando um U. | Vamos aos pontos positivos: as barras pra panelas. Panelas dão trabalho pra guardar e pra tirar do armário na hora de usar. Com as barras elas ficam organizadas e à mão. | Prateleiras deixam o ambiente mais leve, por isso são uma ótima opção pra espaços pequenos. Quanto menos porta, melhor (mas tem que ser organizado).
cozinha 3
“Pra quem gosta de uma cozinha mais brilhante, temos esta” {Bê}. Dourado + branco. Pra mim não precisa de mais nada pra convencer. Só que não tem só isso, não. Essa cuba embutida também é puro amor. 
cozinha 4
“Nessa área da foto não tem janela nem nada. Então é perfeito pra quem tem um espaço fechado em casa” {Bê}. Repara no contraste claro/escuro. As vigas de madeira no teto e os armários se equilibram perfeitamente com a pedra das bancadas, a parede e o piso. O inox também ajuda. Lindo! | A parede de tijolinhos brancos dá pra fazer com papel de parede (a Ju, da Casa de Amados, tem!).
cozinha 5
“Pra quem mora em apartamento, esse é um estilo bonito. Nós achamos que a nossa prima Catarina ia gostar dessa cozinha” {Bê}. Piso preto&branco + papel de parede colorido? Pooode! Nessa cozinha o proprietário deixou o resto tudo branquinho, mas se você for mais ousada dá pra colorir. Escolha um tom do papel de parede e use nos armários ou na parede do fundo. | Preciso dizer: muito charmosa essa prateleirinha. <3
cozinha 6
“É a minha cara, o meu estilo! Eu gosto de coisas mais abertas, com mais espaço, porque dá pra você pegar várias coisas e não ficar batendo em você. No caso das pessoas que são altas, elas podem virar e bater a barriga quando o lugar é pequeno, então eu gosto mais de espaços abertos. {Bê} Bom, deu pra entender que a Bê é grande, né? haha Na nossa família temos essa preocupação com espaço, porque somos altos e bem desastrados (muitos e muitos roxos pelo corpo!). | O piso parece compensado, não parece? Prova de que material de baixo custo pode ser incrível quando bem empregado. | Mais um papel de parede dando graça ao ambiente. Esse é mais neutro e combinou com o ar chiquezinho da cozinha.
cozinha 7
“É a cara da minha tia! Ela gosta dessas coisas rústicas, com madeira. Ela é meio, vamos dizer, indiana” {Bê}. A tia, no caso, é a minha mãe haha. Parece ela mesmo! | Primeiro destaque: mistura de bancos. Com uma boa garimpagem você encontra possibilidades ilimitadas e incríveis. | A mesa alta tem várias funções: mesa pra refeições, bancada de apoio, prateleira na parte baixa. | A faixa escura sobre a bancada protege a parede dos respingos da pia e gordura do fogão.

Dicas:
– dá pra fugir dos azulejos na parede toda, né? Tinta esmalte, faixa de azulejo sobre a pia e até papel de parede à prova d’água estão no mercado pra nos dar opção. E pro chão também temos opções; é só pesquisar e escolher de acordo com o seu estilo de vida.
– luzes indiretas na cozinha sim! E muitas! Tem fio de LED pra instalar embaixo dos armários altos, tem pendente com linhas simples pra dar charme a um cantinho e velas perfumadas pra colocar sobre a pia.
– verde. Se não for horta, que seja um vasinho com flores, uma suculenta, folhas tiradas do jardim e colocadas em um pote de vidro… deixar a fruteira à vista (e cheia, né!) também vale. Tudo isso dá um sopro de vida ao ambiente.

Essas foram nossas inspirações pra você e pra sua cozinha. Gostou? Teve ideias? Não vê a hora desse post acabar pra colocar algumas mudanças em prática? Vai lá! Mas não esqueça de visitar o MCML nas redes sociais antes: Facebook, Instagram e Pinterest.

Beijo,
M. & B.

Potinhos de vidro presos pela tampa liberam a bancada

Potinhos de vidro presos pela tampa liberam a bancada

Oi, gente!

O post de hoje é com uma dica super bacana + um truque pra deixar a dica melhor ainda. Mas antes quero dizer que tô preparando um post bem legal sobre jardins verticais pra atender ao pedido de uma leitora queridíssima. E como no MCML a gente é família, queria pedir sua participação. Eeee! Quem tiver jardim vertical em casa, fotograva e me manda. Pode ser por e-mail (minhacasaminhalida@gmail.com), pode me marcar no Instagram (@marianagatzk), pode mandar no meu Facebook (fb/marianagatzk) ou por inbox na fanpage (fb/minhacasaminhalida). Vou adorar conhecer mais da sua casa!

Voltando ao post de hoje…vamos logo pra foto:
potes de vidro de tempero não ocupam lugar na bancada
potes de vidro de tempero não ocupam espaço na bancada

A gente sabe que hoje em dia quem tem bancada de apoio sobrando na cozinha é Kate Middleton. Então o jeito é usar a inteligência e poupar espaço útil. (parece mentira, mas no meu apartamento eu tenho que escolher: ou deixo a louça no escorredor e não preparo o almoço, ou enxugo a louça e uso a bancada pra cortar legumes, porque as duas coisas ao mesmo tempo não rola).
Enfim, esse projetinho de parafusar os potes de temperos no armário é bem bacana e funciona de verdade – a gente fez o teste no Provence, o café antiquário dos meus pais.
Não tem muita dificuldade pra colocar a ideia em prática, não, mas você vai precisar de uma furadeira e alguma destreza, que é pra não furar demais a tábua e atravessá-la. Não recomendo que você use prego porque vai que a tampa escorrega e cai tudo. Nunca se sabe. É sempre melhor prevenir.
MAS atenção porque tem um truque. Ó:

parafuso + prego: é assim que se faz
parafuso + prego: é assim que se faz

Depois de furar a madeira e parafusar a tampa, prenda um dos lados da tampa com um preguinho. Assim a tampa fica segura, não fica girando junto com o pote toda vez que você for abri-lo, sabe? Com o prego ali você abre e fecha o pote com uma mão só – até mais prático do que se você fosse pegar o tempero na bancada. Talvez dê certo também se, antes de parafusar a tampa, você colar uma fita dupla face na parte de cima, a que vai ficar em contato com o armário. Não testei desse jeito, mas me veio a ideia aqui agora…
E pro projeto ficar ainda mais fofo, minha mãe colocou etiquetas nomeando os temperos.

tudo com nome, que é pra não se confundir
tudo com nome, que é pra não se confundir

Faz alguns meses que a instalação foi feita e a gente mexe com frequência nos potinhos. Eles continuam bem seguros e fazem muito sucesso com os clientes. Ou seja, mais do que ganhar espaço na bancada aí da sua casa, você vai ganhar elogios também. Bom, né?

Gostou da sugestão? Já tem dela aí na sua casa? Decidiu que vai fazer? Me conta! E também conta pros seus amigos, oras. Ideia boa a gente compartilha!

Beijo,
M.